Artículo

Gestão RH Pós COVID-19: Liderar no cenário pandémico

A gestão de pessoas em condições ditas normais é em si um desafio imenso. A gestão deste tipo de recurso acarreta enquadramentos complexos, relacionados com a dinâmica humana e dificilmente tangíveis. Assumir a liderança de pessoas, dentro dos trâmites mais gerais daquela que é a gestão de recursos humanos, é um papel de responsabilidade incomensurável que por vezes pode até parecer esmagador.

Liderar para o sucesso

Neste atual contexto volátil onde, diariamente, nos fomos alimentando de percalços e medos profundos, onde muitos de nós tiveram a oportunidade de reflectir, embora outros se sentissem absolutamente arrasados pelo sentimento crescente de insegurança, outros ainda houve que se viram na linha da frente, forçados a perspectivar o seu trabalho como uma missão que teve necessariamente de justificar um risco assumido de expor a própria saúde.

Não será por isso certamente excessivo concluir a soberba importância de um bom líder em plena pandemia. Porquanto tenhamos em consideração que não é tão-somente o liderado quem se confronta com uma gestão de emoções pessoal extremamente complexa. Também os líderes se viram encurralados em incertezas e receios. Contudo, a sua tem necessariamente de ser uma postura assertiva e confiante, sob pena de a equipas que gerem não virem em si o necessário exemplo.

Três vectores fundamentais para uma liderança de sucesso: confiança, comunicação e decisão

Rui Miguel Nabeiro, CEO da Delta Cafés, identifica três vectores fundamentais para assegurar uma liderança de sucesso, são eles confiança, comunicação e decisão. Desde logo o foco na protecção e segurança dos colaboradores que, podê-lo-íamos afirmar de forma tácita, deverá ter sido necessariamente a preocupação primária das empresas e, desta forma, terá estado garantida a confiança recíproca de que não há qualquer tipo de perda de foco perante o que mais importa proteger.

Comunicar incessantemente e com o máximo de transparência possível, promover a partilha de ideias incentivando a comunicação bottom-up e apostar, com a mesma intensidade, em ambas as comunicações externa e interna. Desta forma, garante Rui Miguel Nabeiro, está assegurada a proximidade entre a empresa e o colaborador. Sendo também certo e dado garantido de que a tomada de decisão em contexto de absoluta incerteza é certamente complexa, não pode deixar de ser concretizada. Flexibilidade e colaboração são chave para desbloquear situações de difícil gestão, quando as contingências são pouco previsíveis e, ao mesmo tempo, inconstantes.

Liderança de proximidade

Para Isabel Barros, Administradora Executiva na Sonae MC, gerir em plena pandemia terá sido uma experiência única e o seu destaque passa pelo que foi passível de ser retido, aprendido e perspectivado. Desde logo sublinhando o sentido de propósito maior e, acima de tudo, aquela que considera ser a liderança mais necessária e desafiante: uma de proximidade. O sucesso da liderança de crise, chamemos-lhe assim, reside em inspirar e mobilizar. Este é, na verdade, um conceito cuja interpretação se sugere praticamente literal, na medida em que implica escuta ativa das necessidades e anseios da equipa.

O sucesso da liderança de crise reside em inspirar e mobilizar

Casos haverá em que as mudanças impostas pela propagação da doença COVID-19 tenham sido apenas uma massificação de ferramentas e processos digitais já implementados, embora em pequena escala. A propósito, Isabel Barros deixa o alerta: foi acelerada uma mudança que já estava em curso antes de pandemia, uma transição forçosamente digital, mas a mesma não se deverá impor perante culturas e processos de forma destrutiva.

É por isso fundamental construir uma nova realidade sem que haja perda de identidade. Sistematizar processos, manter o foco na segurança, na confiança recíproca e, acrescentamos, planear para um futuro que se prevê pleno de desafios e oportunidades na gestão de pessoas.

A APD Portugal lançou o Ciclo Gestão de Recursos Humanos Pós COVID-19, durante o qual se debateram as grandes interrogações da gestão de pessoas no contexto atual. Reveja os eventos aqui.

Você pode estar interessado
Comentários

Adicione seu comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Gracias por tu participación
Comparte el manifiesto y contribuye a impulsar la innovación entre empresas, organizaciones y directivos.
Agora você está vendo o conteúdo de APD zona centro.
Se desejar, pode aceder ao conteúdo adaptado à sua área geográfica